NOTÍCIAS

Chuva em Patos de Minas: Rio Paranaíba recua para menos de 11 m acima do normal; equipes recuperam asfaltos


O nível do Rio Paranaíba segue baixando em Patos de Minas. Segundo medição feita pelo Corpo de Bombeiros, a água estava 10,81 metros acima do normal na manhã desta terça-feira (15). Na última aferição, feita na segunda-feira (14), o nível estava em 11,17 metros, o que representa uma queda de 36 centímetros em 24 horas.

Além disso, com a trégua nas chuvas nos últimos dias, os trabalhos de recomposição do asfalto em diversos pontos da cidade foi iniciado. Por outro lado, a Ponte sobre o Córrego dos Vieiras, na BR-365, continua fechada devido aos danos estruturais. Veja detalhes mais abaixo.

Mesmo com a redução do nível, as pessoas que precisaram deixar as casas ainda não puderam retornar, já que as moradias ainda precisam passar por vistorias. De acordo com o último boletim emitido pela Defesa Civil, na tarde de segunda-feira, pelo menos 380 pessoas foram afetadas pelas enchentes em fevereiro.

Desse total, 315 estão desalojadas e foram acolhidas na casa de parentes ou amigos, e as outras 65 precisaram ser recolhidas em abrigos montados pela Prefeitura e por voluntários.

Nesta terça, a Secretaria de Desenvolvimento Social recebeu 200 cestas básicas enviadas pela Coordenadoria Estadual da Defesa Civil, que serão repassadas às famílias acompanhadas pelo Centro de Ajuda Social às Vítimas das Enchentes (Casve) e pelo Centro de Referência de Assistência Social (CRAS).

Rio Paranaíba sofre cheia em Patos de Minas — Foto: Corpo de Bombeiros/Divulgação

Rio Paranaíba sofre cheia em Patos de Minas — Foto: Corpo de Bombeiros/Divulgação

  • VÍDEO: Veja momento em que cãozinho é resgatado do Córrego do Monjolo, em Patos de Minas

De acordo com a Prefeitura, nesta terça-feira, começou o trabalho de recomposição asfáltica da Avenida Fátima Porto, com foco no trecho entre as avenidas Piauí e Brasil, o mais afetado pelas recentes chuvas.

O trabalho é executado de forma emergencial por uma empresa terceirizada, que já realizou o serviço na Rua Zeca Mota, no Bairro Sorriso. Outras vias, como Ana de Oliveira, Xavantes e Mata dos Fernandes, também estão no cronograma.

Equipes da Secretaria de Obras Públicas também estão em campo e realizam ações de tapa-buracos nas vias em que esse serviço é suficiente para resolver o problema, como em outros trechos da própria Avenida Fátima Porto e nas ruas Ouro Preto e Olegário Maciel.

A população também pode indicar as vias com necessidades de reparo pelos telefones (34) 3822-9718, das 7h às 13h, e (34) 3822-9115, das 12h às 18h.

Funcionário recupera asfalto da Avenida Fátima Porto em Patos de Minas — Foto: Ascom/Prefeitura de Patos de Minas

Funcionário recupera asfalto da Avenida Fátima Porto em Patos de Minas — Foto: Ascom/Prefeitura de Patos de Minas

Já a ponte sobre o Córrego dos Vieiras, no km 428 da BR-365, continua interditada em Patos de Minas. O trecho está fechado desde a tarde de domingo (13) para que seja possível reparar os danos causados pela água do Rio Paranaíba, que começou a se aproximar das bordas da estrutura da ponte e provocou rachaduras e a formação de uma cratera no local.

Segundo a Prefeitura, a melhor opção de desvio, com cerca de 198 km, é por meio da BR-354 (veja o mapa abaixo). Ainda segundo o Município, as obras de reparação no local são de responsabilidade do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit), mas a cidade colocou maquinário e funcionários à disposição para realizar obras emergenciais de reparo por conta própria.

Ponte sobre a BR-365 está danificada em Patos de Minas — Foto: Redes Sociais

Ponte sobre a BR-365 está danificada em Patos de Minas — Foto: Redes Sociais

Em nota emitida na segunda-feira, o Dnit informou que os técnicos que monitoram a ponte desde a última quinta-feira (10) detectaram um abatimento lateral no solo, o que pode causar danos à estrutura, além de oferecer riscos para os usuários da via.

Ainda segundo o órgão, equipes seguem no local buscando a melhor forma de restabelecer o fluxo de veículos com rapidez e segurança. Não há previsão de liberação do tráfego.

A TV Integração procurou o Dnit novamente nesta terça para saber se o departamento recebeu a solicitação da Prefeitura, mas não houve retorno até a última atualização desta reportagem.

Rota alternativa trânsito interditado Ponte dos Vieiras Patos de Minas 13-02-2022  — Foto: Reprodução/Google Maps

Rota alternativa trânsito interditado Ponte dos Vieiras Patos de Minas 13-02-2022 — Foto: Reprodução/Google Maps

  • ÚLTIMA MEDIÇÃO: Nível do Rio Paranaíba baixa quase 60cm em 2 dias; Ponte do Arco é liberada, mas BR-365 segue interditada
  • MAIS INTERDIÇÕES: BR-352 é interditada após danos causados pela chuva em Patos de Minas; secretário comenta obras de reparação na cidade

Segundo dados fornecidos pelo climatologista Lanzoerques Júnior, só nos 10 primeiros dias de fevereiro, foram registrados mais de 280 mm de precipitação em Patos de Minas. Esse volume é maior que a média de chuva esperada para todo o mês, que era de pouco mais de 200 mm.

Porém, nos últimos dois dias, não foram registrados índices relevantes de precipitação na cidade, o que contribuiu para a redução do nível do rio. Veja o registro diário de chuvas na cidade em fevereiro abaixo:

Volume de chuvas em Patos de Minas em fevereiro

DiaVolume de chuva (em milímetros)
01/0215,6
02/0267,4
03/022,4
04/0253,4
05/0270,2
06/0218,2
07/0217
08/0226,2
09/029,2
10/020,8
11/0220,6
12/0225,2
13/0214,6
14/020
15/02 (até 11h)0
Total341,2

Nesta terça-feira, um alerta amarelo de perigo de chuvas intensas para Patos de Minas e região foi emitido pelo Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet). O aviso começou a valer às 11h e está previsto para terminar às 10h de quarta-feira (16).

Segundo o órgão, são esperadas chuvas entre 20 e 30 milímetros em uma única hora, ou então, 50 milímetros em um dia. As rajadas de vento devem ficar entre 40 km/h e 60 km/h.

  • LEIA TAMBÉM: Chegada de frente fria provoca fortes pancadas de chuva durante a semana no Triângulo Mineiro e Alto Paranaíba; veja previsão
Enchente do Rio Paranaíba nos Bairros Jardim Paulistano e Vila Rosa em Uberlândia — Foto: Corpo de Bombeiros/Divulgação

Enchente do Rio Paranaíba nos Bairros Jardim Paulistano e Vila Rosa em Uberlândia — Foto: Corpo de Bombeiros/Divulgação

Em janeiro, o alto volume de chuvas também fez com que o nível do Rio Paranaíba e de afluentes, como o Córrego do Monjolo, subisse rapidamente em Patos de Minas. O ápice da cheia no mês ocorreu no dia 13, quando a água do rio chegou a estar cerca de 12 metros acima do volume normal na cidade. Mais de 700 pessoas ficaram desalojadas ou desabrigadas.

Segundo o Corpo de Bombeiros, nos 3 primeiros dias do ano, foi contabilizado um volume de 46,73 mm na estação meteorológica do 12º Batalhão dos Bombeiros Militares. Além disso, de acordo com dados do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), a média de chuva para todo o mês de janeiro em Patos de Minas era de 287 mm, mas, no dia 9, já haviam sido registrados 287,1 mm de precipitação.

Com as chuvas, a água do rio invadiu casas e levou à interdição de ruas. Construção simbólica na cidade, a Ponte do Arco, na Avenida Joaquim Fubá, ficou fechada por 3 dias depois que o nível ultrapassou as bordas da estrutura.

Rio Paranaíba transbordou sobre a Ponte do Arco, no Bairro Nossa Senhora Aparecida em Patos de Minas — Foto: Corpo de Bombeiros/Divulgação

Rio Paranaíba transbordou sobre a Ponte do Arco, no Bairro Nossa Senhora Aparecida em Patos de Minas — Foto: Corpo de Bombeiros/Divulgação

  • VEJA TAMBÉM: Veja a 1ª cheia do Rio Paranaíba em Patos de Minas em fotos e vídeos

No dia 8 de janeiro, o prefeito Luis Eduardo Falcão (Podemos) decretou estado de emergência na cidade, que foi reconhecido pelo governador Romeu Zema (Novo) no Diário Oficial do dia 13. Para auxiliar as vítimas das enchentes, a Prefeitura também lançou a campanha “Patos Solidária”, que arrecadou donativos e chegou a angariar mais de R$ 20 mil para as famílias afetadas nas primeiras 24 horas.

VÍDEOS: veja tudo sobre o Triângulo, Alto Paranaíba e Noroeste de Minas



Fonte: G1


15/02/2022 – Paranaíba e Máximus FM

COMPARTILHE:

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email
Share on skype
Skype

Mais Notícias de Rio Paranaíba:

Mais Notícias da Região:

SEGUE A @PARANAIBAMAXIMUS

Paranbaíba FM
Máximus FM
Contato Comercial
QUAL RÁDIO QUER OUVIR?