NOTÍCIAS

Mais de 500 formandos participam da terceira Colação de Grau remota

“Estarmos aqui é mais um capítulo da gloriosa jornada que tivemos. É uma prova de que a UFV é referência de educação pública de qualidade e, mesmo com todas as adversidades, permitiu que concluíssemos nossos estudos com excelência”. Essas foram as palavras iniciais do discurso de Matheus Ferreira, graduando em Engenharia Florestal, do campus Viçosa, e representante da turma de 524 formandos de junho de 2021, dos três campi da Universidade. A mensagem do orador demonstrou que o mérito e o orgulho em conquistar o diploma da UFV não foram ofuscados pelo fato da Sessão Solene de Colação de Grau, realizada na tarde desta sexta-feira (11), acontecer, mais uma vez, de forma remota devido à pandemia de covid-19.

Transmitida pelo canal da UFV no Youtube, a cerimônia pôde ser acompanhada por toda comunidade acadêmica, amigos e familiares dos formandos, que se manifestaram com comentários empolgados no chat ao vivo. No Espaço Acadêmico-cultural Fernando Sabino, do campus Viçosa, o reitor Demetrius David da Silva presidiu a solenidade, acompanhado pela vice-reitora Rejane Nascentes e a secretária de Órgãos Colegiados ad hoc Tatiana de Miranda Costa. Os demais representantes da administração, como pró-reitores, diretores de centros de ciências e dos campi Rio Paranaíba e Florestal, participaram em seus ambientes virtuais.

Pela tela, Giovana Luísa da Paz, do curso de Engenharia Civil de Rio Paranaíba, conduziu o juramento e, também por vídeo, foram apresentados os números musicais de homenagens aos formandos e seus pais. Já o discurso do orador foi realizado no Espaço Fernando Sabino. Além de enaltecer a possibilidade de se formar na UFV, Matheus Ferreira lembrou de todas as dificuldades que a pandemia “nos faz e nos fez passar” e de “coisas simples que fazem falta demais”, como “subir a reta da UFV correndo para não chegar atrasado às aulas, pegar filas enormes para comer o famoso strogonoff do RU e fazer diversas amizades com pessoas de diferentes cursos”.

O orador destacou que o momento oferece a oportunidade de repensar alguns hábitos e começar a construir um futuro melhor. Para ele, os desafios enfrentados na Universidade e aprendizagens alcançadas, como lidar com pressões e se reinventar com as dificuldades, podem auxiliar os formandos nesse processo de transformação. Matheus afirmou que a própria UFV mostrou como se reinventar através do ensino remoto e, mesmo com todas as adaptações, permitiu aos estudantes obterem êxito. Por fim, fez uma convocação aos colegas: “vamos defender o ensino público de qualidade, garantindo que diversas gerações tenham o prazer de se formar em instituições inclusivas e de excelência como a UFV”.

A certeza de que a Universidade continuará agindo no enfrentamento das dificuldades e “praticando a solidariedade irrestrita diante dos sofrimentos que ainda persistem” foi evidenciada pelo reitor Demetrius David da Silva. Ele frisou que a UFV jamais cederá, diante de qualquer tentativa de desqualificar as recomendações e protocolos científicos, e que jamais aceitará manifestações de desapreço pela vida humana e pelo conhecimento científico. “Em meio a muitas dificuldades vivenciadas no atual momento, nossa Universidade persiste e persistirá, insiste e insistirá, renascendo todos os dias, porque é alimentada pela consciência do que é necessário fazer, ou seja, é necessário educar, desenvolver pesquisas e atividades de extensão, promover a inovação tecnológica e efetivar com dedicação as tarefas administrativas”, afirmou.

O reitor ressaltou ainda que a UFV é uma instituição “que se alimenta e transmite esperança” e lembrou aos graduandos que “enquanto mantiverem viva a esperança em dias melhores, a existência da UFV poderá ser justificada, defendida e perpetuada”.

Após o pronunciamento, cada formando teve o seu nome anunciado enquanto a imagem do seu rosto aparecia na tela. O mesmo procedimento foi adotado para os agraciados com a tradicional medalha Presidente Arthur Bernardes pela excelência obtida em seus cursos de graduação.

O Atestado de Colação de Grau tão aguardado, apesar de não ser entregue durante a cerimônia, já foi autenticado pela UFV e disponibilizado, logo após a Sessão Solene, a todos os formandos por meio do sistema acadêmico Sapiens.

Fonte: Divulgação Institucional


13/06/2021 – Paranaíba e Máximus FM

COMPARTILHE:

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email
Share on skype
Skype

Mais Notícias de Rio Paranaíba:

Mais Notícias da Região:

SEGUE A @PARANAIBAMAXIMUS

Paranbaíba FM
Máximus FM
Contato Comercial
QUAL RÁDIO QUER OUVIR?