NOTÍCIAS

Potência x Fluxo luminoso | ILUMINA: LIGHTING DESIGN


Antes da chegada do LED, acreditava-se que quanto maior a potência, mais iluminava. Na época, isso podia até funcionar, mas hoje as coisas evoluíram e com ela a tecnologia na iluminação também.

Se você pensa em aderir ao revolucionário LED, confira as dicas para fazer a melhor escolha.

Tendo como unidade de medida o watt (W), nada mais é que o consumo de energia, isto é, a potência da lâmpada. Ao contrário do que muitos pensam, essa medida não se refere a emissão de luz.

Já o fluxo luminoso é medido pelos lúmens (lm), que é a quantidade de luz emitida para todas as direções pela fonte luminosa.

Resumindo, quanto mais lúmens emitidos com menor gasto de energia (potência), mais eficiente é uma lâmpada.

Fluxo luminoso — Foto: Imagem da internet

Fluxo luminoso — Foto: Imagem da internet

Então vamos aprender a calcular a eficiência luminosa?

Segundo Luiz Melo, especialista em iluminação com 20 anos de experiência, é importante analisar bem antes de comprar. Então, caso não venha expresso na embalagem, saiba como você pode calcular a eficiência luminosa:

Eficiência luminosa = lm (lúmens) / W (watts)

Entende-se que a eficiência luminosa é o resultado do número de lúmens dividido pelo número de watts. Portanto, quanto maior for o resultado, mais eficiente é lâmpada.

Como dissemos no começo, antigamente usava-se apenas a potência como referência para escolher uma lâmpada. Por si só, o LED já é uma fonte luminosa muito econômica e consequentemente, sua potência é menor do que outros tipos de lâmpadas.

  • 600 lm = lâmpada LED de 6 W = incandescente de 40 W = fluorescente de 12 W;
  • 850lm = lâmpada LED de 9 W = incandescente de 60 W = fluorescente de 15 W;
  • 1200lm = lâmpada LED de 12 W = incandescente de 75 W = fluorescente de 20 W;
  • 1500lm = lâmpada LED de 15 W = incandescente de 100 W = fluorescente de 25 W

E para saber a luminosidade de cada ambiente?

Bom, para isso usaremos o lux, que é quantidade de fluxo luminoso por metro quadrado.

Veja as recomendações em lux para alguns ambientes, conforme a ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas).

  • Sala de estar: entre 50 a 100 lux;
  • Dormitórios: 50 lux;
  • Cozinha: entre 300 a 500 lux;
  • Escritório: 300 a 500 lux;
  • Garagem: 50 lux.

Viu só? Escolher a iluminação mais eficiente para seu espaço, nunca foi tão simples.



Fonte: G1


14/04/2022 – Paranaíba e Máximus FM

COMPARTILHE:

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email
Share on skype
Skype

Mais Notícias de Rio Paranaíba:

Mais Notícias da Região:

SEGUE A @PARANAIBAMAXIMUS

Paranbaíba FM
Máximus FM
Contato Comercial
QUAL RÁDIO QUER OUVIR?