NOTÍCIAS

Projetos estimulam produção de absorventes reutilizáveis e lençóis por detentos da Penitenciária de Uberlândia


Um acordo de cooperação para um projeto para mulheres detentas da Penitenciária Pimenta da Veiga, em Uberlândia, foi assinado de forma simbólica pelo prefeito Odelmo Leão, na última quinta-feira (31). O foco é uma oficina de costura para a fabricação de absorventes reutilizáveis dentro da unidade, denominada “Programa BioSocial: Ação que traz dignidade”.

Na data, também foi firmado o termo aditivo ao projeto “Pontos que Unem”, para que os detentos da ala masculina possam realizar a confecção de lençóis. O objetivo de ambas as ações é proporcionar o desenvolvimento da qualificação e requalificação profissional, além da remissão da pena.

“O que provoca a reinserção é a falta de perspectiva, por isso a importância deste trabalho, de ensinar um ofício para estas detentas”, comentou o diretor regional da 9ª Regional da Polícia Penal, Marcus Vinícius de Oliveira Silva.

No caso dos absorventes, a produção será realizada no interior da Penitenciária com um grupo selecionado de 15 mulheres detentas.

O diretor de humanização da unidade prisional, Leandro Melazzo, completou que a iniciativa irá contribuir para a reinserção da social das detentas, já que, ao saírem da penitenciária, a maior dificuldade encontrada por elas é a financeira.

“Esta parceria vem a auxiliá-las a não reincidir criminalmente e terem melhores opções de vida”, defendeu.

Presídio de Uberlândia I antigo Professor João Pimenta da Veiga 29/12/2021 — Foto: TV Integração/Reprodução

Presídio de Uberlândia I antigo Professor João Pimenta da Veiga 29/12/2021 — Foto: TV Integração/Reprodução

Já o projeto “Pontos que Unem” entrou em vigor em maio de 2020, com o estímulo à produção de máscaras de proteção contra o coronavírus. Ao longo de 2021, segundo a Prefeitura, o trabalho resultou na confecção de mais de 21 mil máscaras.

Porém, com a baixa demanda pelo equipamento nos último meses, a oficina de profissionalização em costura focará na produção de lençóis. As peças que serão costuradas vão ser destinadas aos leitos das unidades de saúde do município.

VÍDEOS: veja tudo sobre o Triângulo, Alto Paranaíba e Noroeste de Minas



Fonte: G1


10/04/2022 – Paranaíba e Máximus FM

COMPARTILHE:

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email
Share on skype
Skype

Mais Notícias de Rio Paranaíba:

Mais Notícias da Região:

SEGUE A @PARANAIBAMAXIMUS

Paranbaíba FM
Máximus FM
Contato Comercial
QUAL RÁDIO QUER OUVIR?