NOTÍCIAS

Motociclista sofre corte no pescoço por linha de cerol em Uberlândia


Um motociclista de 35 anos sofreu um corte profundo no pescoço na tarde desta quinta-feira (17) depois de passar por um fio de cerol que estava sobre uma rua no Bairro Tocantins, em Uberlândia.

O caso ocorreu na Rua Doutor Manoel Thomaz de Souza. De acordo com o Corpo de Bombeiros, o rapaz trabalha como entregador e transitava pela via quando sentiu algo prender no pescoço dele. Ao perceber o ferimento causado pelo fio, ele parou o veículo e procurou ajuda na Unidade Básica de Saúde da Família (UBSF) do Bairro Tocantins.

Depois de ser atendido por uma médica de plantão do posto de saúde, ele foi encaminhado pelos bombeiros ao Hospital de Clínicas da Universidade Federal de Uberlândia (HC-UFU). Segundo os socorristas, a vítima passa bem e teve o sangramento estancado.

Fio com cerol que feriu motociclista em Uberlândia ficou sobre a calçada — Foto: Leonardo Patrus/g1

Fio com cerol que feriu motociclista em Uberlândia ficou sobre a calçada — Foto: Leonardo Patrus/g1

À TV Integração, o sargento do Corpo de Bombeiros, Alexandre orientou que as pessoas não utilizem cerol em fios ou linhas chilenas ao brincarem com pipas.

“As pessoas devem se tornar mais responsáveis. Pedimos que a população tenha consciência, porque às vezes uma cosia que fazemos atinge uma pessoa inocente”, afirmou.

O uso de cerol ou de qualquer outro tipo de material cortante é proibido nas linhas de pipas, de papagaios, de pandorgas e de semelhantes artefatos lúdicos, para recreação ou com finalidade publicitária, em todo o território do Estado de Minas Gerais, conforme decreto estadual nº 43.585/2003, concomitante com a Lei Estadual n 23.515/2019.

VÍDEOS: veja tudo sobre o Triângulo, Alto Paranaíba e Noroeste de Minas



Fonte: G1


17/03/2022 – Paranaíba e Máximus FM

COMPARTILHE:

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email
Share on skype
Skype

Mais Notícias de Rio Paranaíba:

Mais Notícias da Região:

SEGUE A @PARANAIBAMAXIMUS

Paranbaíba FM
Máximus FM
Contato Comercial
QUAL RÁDIO QUER OUVIR?