NOTÍCIAS

Polícia Civil investiga morte de travesti encontrada com ferimentos na cabeça no Bairro Santa Luzia, em Patos de Minas


A Polícia Civil abriu inquérito para investigar a morte de uma travesti, que não teve idade divulgada, registrada na última segunda-feira (7) no Bairro Santa Luzia, em Patos de Minas. Ela foi encontrada morta com ferimentos na cabeça, que podem ter sido causados por um machado que estava junto próximo ao corpo dela.

Segundo a Polícia Civil, além da instauração do inquérito, também foi feito pedida a prisão do suspeito principal, de 38 anos, e até a quarta-feira (9), era esperada a decisão judicial para poder cumprir o pedido.

Conforme a Polícia Militar (PM), a equipe foi acionada após receber a informação de um homicídio no Bairro Santa Luzia. Chegando ao local, encontraram o corpo da vítima com ferimentos na cabeça, bastante sangue derramado, sem as calças e com o machado embaixo das pernas.

Na segunda-feira, os militares não conseguiram localizar o suspeito. Porém, foram informados de que ele estava com a vítima mais cedo e que a vítima também estava com uma quantia de cerca de R$ 3 mil em dinheiro, que não estava com ela após o crime.

Após os trabalhos da perícia, foi constatado que o machado, que estava sujo de sangue, havia sido utilizado para cometer o crime.

De acordo com o delegado da Polícia Civil, Luís Mauro Sampaio, a motivação do crime seria de que a vítima e outras pessoas que estavam dentro da casa estariam “humilhando e caçoando” do suspeito, falando que ele teria que limpar o chão da casa e com outras falas.

Além disso, o crime também tem agravantes.

“Motivação fútil e a forma que foi feita foi de uma forma que dificultou a defesa da vítima, são duas qualificadoras graves […] A vítima estaria de bruços quando foi atacada pelas costas”, completou.

VÍDEOS: veja tudo sobre o Triângulo, Alto Paranaíba e Noroeste de Minas



Fonte: G1


10/03/2022 – Paranaíba e Máximus FM

COMPARTILHE:

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email
Share on skype
Skype

Mais Notícias de Rio Paranaíba:

Mais Notícias da Região:

SEGUE A @PARANAIBAMAXIMUS

Paranbaíba FM
Máximus FM
Contato Comercial
QUAL RÁDIO QUER OUVIR?