NOTÍCIAS

Ponte que cedeu entre Tapira e São Roque de Minas ainda não tem data para ser reparada


Segundo a Prefeitura de São Roque de Minas, o município está ajustando uma parceria com Tapira para organizar o que caberá a cada um, por exemplo, material, mão de obra, máquinas. A administração informou ainda que aguarda um posicionamento do jurídico das duas Prefeituras para definir o cronograma de execução.

Além disso, o Executivo disse também que estuda a possibilidade de emendas parlamentares. No domingo (6), o prefeito de São Roque, Onésio de Oliveira Andrade (PSD), junto do secretário de Obras de Tapira e o deputado estadual João Bosco (Avante) visitaram a ponte para levantar as condições do local.

A Prefeitura de Tapira informou à produção da TV Integração que a ponte foi construída pelo município em 2015. Entretanto, o trecho da ponte que caiu fica no perímetro que pertence a São Roque de Minas. A Prefeitura disse também iria propor uma parceria a Prefeitura da cidade vizinha.

A intenção é que as duas prefeituras arquem com as despesas para que, no local, seja erguida uma ponte de concreto, substituindo as pranchas de madeira que, até então, eram a estrutura da ponte da Ressaca.

Por fim, o município informou que o volume das chuvas e o fluxo de caminhões pesados que trafegam sobre a ponte influenciaram para que ela cedesse. A ponte dá acesso a diversas comunidades rurais entre as duas cidades e também é um dos acessos ao Parque da Serra da Canastra.

Parte da Ponte da Ressaca cede entre Tapira e São Roque de Minas

Parte da Ponte da Ressaca cede entre Tapira e São Roque de Minas

VÍDEOS: veja tudo sobre o Triângulo, Alto Paranaíba e Noroeste de Mina



Fonte: G1


08/03/2022 – Paranaíba e Máximus FM

COMPARTILHE:

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email
Share on skype
Skype

Mais Notícias de Rio Paranaíba:

Mais Notícias da Região:

SEGUE A @PARANAIBAMAXIMUS

Paranbaíba FM
Máximus FM
Contato Comercial
QUAL RÁDIO QUER OUVIR?